Neymar revela ansiedade: 'Ninguém está com mais medo do que eu'

Quarta-feira, 16 Mai, 2018

Neymar voltou a treinar no PSG no último fim de semana e trabalhará com bola gradativamente.

- Nós acreditamos que o Neymar possa trabalhar com bola com todo o grupo já na semana que vem.

Recuperado da pior lesão sofrida em sua carreira, Neymar, que passou por cirurgia para a correção de uma fratura no quinto metatarso do pé direito no início de março, realizou uma bateria de exames no último sábado e foi liberado pelo médico da Seleção Brasileira, Rodrigo Lamar, para retornar aos treinos.

O elenco brasileiro que se apresenta na Granja Comary, em Teresópolis, no Rio de Janeiro, no dia 21 de maio, próxima segunda-feira, não terá a presença de Firmino, Casemiro e Marcelo que irão se apresentar no dia 27 deste mês; uma vez que eles estão envolvidos na "Final da Champions League".

De acordo com os médicos da Seleção Brasileira, o atacante terá condições de estar em campo no amistoso do dia 3 de junho, contra a Croácia, em Londres, o penúltimo jogo do Brasil antes da estreia na Copa do Mundo, dia 17 - a equipe ainda fará outro teste, diante da Áustria, em 10 de junho. "Ou seja, ele terá condições físicas de participar dos nossos amistosos antes da Copa para recuperar sua condição de jogo", afirmou Lasmar.

Para o preparador físico da Seleção, Fábio Mahseredjian, o camisa 10 da equipe de Tite estará mesmo nível dos demais jogadores em breve. Vamos ser mais fortes com o Neymar bem.

Além de comentar sobre Neymar, Mahseredjian também falou a respeito de Fagner - do Corinthians que vem se recuperando de uma lesão do músculo posterior da coxa direita. O segundo, que assim como Neymar, também perdeu a reta final da temporada europeia e amistosos pela seleção, teve a situação mais grave: fratura na fíbula da perna esquerda.

"Em relação ao Fagner tem tempo mais do que suficiente até a preparação para a Copa para estar preparado. Nenhum problema", explicou Rodrigo Lasmar. Do ponto de vista médico não tem problemas.